Esqueci minha senha
DICAS DE VIAGEM

Cuidados para não cometer gafes no exterior

Você pode não saber, mas muitos dos gestos corriqueiros utilizados por nós podem ter um significado muito diferente em alguns lugares do mundo. Se você pretende viajar para algum país do exterior, é interessante conhecer alguns dos gestos que você não deve fazer em terras estrangeiras.

 

Encostar a mão na cabeça de alguém pode ser considerado carinhoso no Brasil, mas em outros países fazer isso pode ser uma péssima ideia. No Sri Lanka, e em países budistas em geral, acredita-se que a cabeça é o ponto mais elevado do corpo, é onde vive o espírito. Não tente ser simpático passando a mão na cabeça de uma criança, ou os pais dela não vão gostar nem um pouco.

Colocar as mãos na cintura pode ser um sinal de relaxamento, ou apenas um gesto comum para descansar na maioria dos países, mas este gesto na Indonésia pode ser visto como uma atitude de desafio e vontade de brigar.

Piscar um olho pode ser um gesto de simpatia ou paquera, mas em algumas regiões da China, uma simples piscadela pode parecer um gesto de vulgaridade e péssima educação.

Quando estiver no Japão, nunca entregue nada para alguém usando apenas uma mão, nem mesmo ao pedir para alguém tirar uma foto com sua câmera na rua. Use sempre as duas mãos, o contrário pode ser considerado como algo realmente ofensivo. 

Em São Paulo, é comum cumprimentar amigos com um beijo no rosto. No Rio de Janeiro, são dois. Mas nem pense em fazer isso na Arábia Saudita. Além de ser mal visto, isto está simplesmente proibido por lei, e pode causar sérios problemas.

No Marrocos, assim como em outros países muçulmanos, evite cumprimentar alguém ou encostar em alimentos com a mão esquerda, considerada como impura: use apenas sua mão direita.

O polegar posicionado de maneira horizontal é usado no mundo inteiro para pedir carona à beira de estradas. Mas o gesto tem um significado bem diferente na Grécia, onde funciona como convite para uma relação sexual.

Em Bangladesh, no Irã e na Tailândia, o sinal positivo pode ser ofensivo e significar algo parecido como o dedo médio esticado. Em países como Reino Unido, Austrália, Nova Zelândia e África do Sul, quando o sinal da vitória é feito de maneira inversa, ou seja, com a palma da mão para dentro, pode significar algo como “vá se ferrar”.

Nas Filipinas, fazer o sinal de “Venha aqui” pode ser extremamente mal visto. No país, o gesto é usado para chamar cachorros. Nem pense em usá-lo com pessoas, sob o risco de causar uma ofensa.

No Vietnã, cruzar os dedos é usado para fazer referência às partes íntimas femininas.

 

Fonte: terra.com.br


Mais Dicas de Viagem

27/02/2013
Dicas para mochileiros de 1ª viagem
Saiba como escolher a mochila e encontrar hospedagem barata. Viagens desse tipo exigem planejamento, mas o tur...
20/02/2013
Cuidados para não cometer gafes no exterior
Você pode não saber, mas muitos dos gestos corriqueiros utilizados por nós podem ter um significado muito dife...
06/02/2013
Saiba quanto os foliões podem gastar em média por dia em Recife e no Rio nesse carnaval
Cálculo leva em conta hotel, comida, caipirinha e táxi.
30/01/2013
Coisas para fazer enquanto espera para embarcar
Ninguém gosta de esperar. Mas o seu tempo de espera não precisa ser uma perda de tempo. Veja só as dicas valio...
07/01/2013
Saiba como entreter as crianças em viagens de carro e de avião
Brincadeiras simples ajudam a passar o tempo e a evitar o tédio. Cuidados com alimentação reduzem enjoo e bagu...
07/01/2013
Praias do Brasil ideais para levar crianças
Veja opções com águas calmas e boa infraestrutura em diversos estados.
07/01/2013
Exercícios preparam viajantes contra enjoo em cruzeiros
Veja dicas para não passar mal durante a viagem de navio. Higiene a bordo também requer atenção redobrada.